Religiosidade e homenagens às mulheres na abertura oficial do Grupo Viver a Melhor Idade, do CRAS

Ação Social

Quarta-Feira, 08 de Março de 2017

Religiosidade e homenagens às mulheres na abertura oficial do Grupo Viver a Melhor Idade, do CRAS
O Dia Internacional da Mulher foi especial para cerca de 40 idosos assistidos pelo Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) do Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) de Oliveira dos Brejinhos. Houve missa com o padre José Romero e a professora e vice-prefeita Francina Lima, 1ª mulher a ser eleita na chapa majoritária para a Prefeitura de Oliveira dos Brejinhos, foi homenageada em nome das mulheres do município.

Foi o quarto encontro do Grupo Viver a Melhor Idade deste ano, já que os três primeiros, extraordinários, aconteceram no Dia de Reis e no planejamento dos festejos de Carnaval. Ontem, das 15 às 17 horas, o grupo, predominantemente formado por mulheres, rezou e entoou participativamente os hinos religiosos católicos, ante a dedicada presença do padre Romero. “É importante que vocês compreendam e dimensionem o quanto é bom para a saúde de cada um, essa convivência social que acontece aqui semanalmente”, disse o padre, em meio ao seu sermão, para as cerca de 50 presentes, incluindo servidores da Assistência Social e outros do apoio.

Após a missa, a secretária de Assistência Social, Cleoneide Telma F. L. Portela, iniciou os agradecimentos, inclusive ao empenho de sua equipe de trabalho (formada nesses primeiros dois meses de gestão) e leu uma mensagem especial em alusão ao Dia da Mulher. Ao fim, acabou surpreendida com uma homenagem do grupo, que cantou pra ela e a presenteou com um buquê de rosas.

 

Francina: Mulher, mãe, avó, militante social, professora e agora vice-prefeita

 

E como o dia era de homenagens, outras mensagens às mulheres foram lidas emocionadamente por dona Terezinha Leite, dona Corina Santana, profª “Dadá” Ormonde , Creuza Amorim (que coordena o Grupo Viver ao lado da colega Íris Bispo) e Jane Magalhães, coordenadora do CRAS. Isso sob alegres aplausos dos integrantes da convivência, como dona Alice Maria Ribeiro Novais, de 98 anos, que faz questão de ir a todas as reuniões (as quartas e quintas, 15h). E dona Maria de Lourdes, 70, que nesta quarta foi pela primeira vez.

Mas o ponto culminante das homenagens ao Dia da Mulher foi o curto documentário montado e exibido pela equipe do Cras, contando a história de vida da professora e vice-prefeita Francina Francisca de Lima. Ao final, chorosa e agradecida, ela ressaltou a importâncias das lutas de uma mulher. “São muitas e todas importantes. Porque a mulher é guerreira por natureza e sempre está em busca de seu lugar ao sol”, disse. Com extenso histórico de participação em movimentos sociais, religiosos católicos, sindicais e políticos; além de anos de salas de aula e criando seus três filhos, professora Francia, já avó de uma garotinha, lembrou muitos de seus companheiros de estrada. Abraçada ao buquê de rosas que recebeu, citou, entre outros, o padre Lúcio, as freiras Clementina, Inês e Jandira; companheiras do movimento sindical, como Anísis e Terezinha Martins; falou de suas passagens por salas de aula e pelo ensino religioso; e sobre as fundações do Projeto Sapeka e da Ecosol.   

 

Política Pública:

Grupo Viver a Melhor Idade (Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos – SCFV)

Dias e horários de reuniões: às quartas e quintas, às 15 horas;

Obs.: Após se cadastrar no grupo, o(a) beneficiário(a) passa a ser apanhado(a) e devolvido(a) em sua residência, nos dias de reunião, pelo CRAS;

Mais informações: CRAS – Rua das Oliveiras, 513 – próximo à Pça Carmerindo José Pereira, das 8 às 17h.

Ascom_Deodato_Alcântara_DRT-BA 6166


Últimas Notícias

Prefeitura Municipal de Oliveira dos Brejinhos - Bahia

Contato

© Prefeitura Municipal de Oliveira dos Brejinhos - Bahia
Gestão 2017-2020 | Todos os direitos reservados